Ceará volta a jogar mal e empata com o Guarany de Sobral no PV



O Alvinegro volta a campo na próxima terça-feira (3), para enfrentar o River-PI



Ceará segue sem convencer em 2020. Pior que isso, fez o torcedor perder a paciência de vez. Na tarde deste sábado (29), o Alvinegro não passou do 0 a 0 com o Guarany de Sobral, em partida que fez o time deixar o campo sob sonoras vaias dos alvinegros que compareceram ao PV.
Isso por conta do desempenho apresentado em campo. A atuação do Vovô, mais uma vez, foi terrível, muito abaixo do esperado e sem apresentar nenhuma evolução em relação aos últimos jogos. Este foi o 8º empate do Ceará na temporada em 11 jogos disputados no ano.
Com o resultado, o Ceará chegou aos 8 pontos no Campeonato Cearense e segue na vice-liderança, mas com a possibilidade de perder uma posição neste domingo (1), caso o Fortaleza vença o Barbalha, no PV. Já o Guarany de Sobral chegou aos 10 pontos e se mantém na liderança.
O Alvinegro volta a campo na próxima terça-feira (3), para enfrentar o River-PI, às 19h30min, pela Copa do Nordeste.
O JOGO
O primeiro tempo foi de maior volume do Ceará. 
Durante toda a etapa inicial, o Alvinegro teve bem mais posse de bola que o Guarany e pressionou em busca do gol.
Conseguiu se instalar no campo ofensivo, mas voltou a apresentar dificuldades de criação. No momento de verticalizar as jogadas, esbarrava na marcação adversária. Tanto que não teve profundidade e nem grandes oportunidades de gol.
A melhor chance veio em chute de fora da área, quando Ricardinho arriscou, o goleiro Mauro falhou e a bola explodiu no travessão.
O panorama foi semelhante na segunda etapa. O Ceará teve controle das principais ações, mas não conseguiu converter o volume de jogo em chances reais de gol. Ao contrário, pecou demais na finalização. Rodrigão, Bergson, Ricardinho, Wescley, Samuel Xavier, Leandro Carvalho e Felipe Silva. Todos finalizaram e erraram.
Do outro lado, o Guarany viu que poderia arriscar um resultado melhor e passou a investir nos contra-ataques. Ciel, Siloé e Esquerdinha criaram chances para marcar e esbarraram em Fernando Prass, que fez importantes defesas e foi o único jogador alvinegro com boa atuação.
Ao apito final, sonoras vaias das arquibancadas, refletindo a insatisfação da torcida alvinegra com o time que, mais uma vez, teve atuação extremamente ruim.

Diario do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários