Família segue buscas por argentino desaparecido em Jericoacoara






Familiares do argentino LEONARDO IUDICELLO, de 30 anos, estão no Ceará em buscas de informações que levem ao seu paradeiro ou tragam respostas para um mistério que ja dura 5 anos

O turista argentino visitava o Ceará em 14 de Julho de 2015, quando teria sido visto pela última vez acampando na praia de Jericoacoara, em Jijoca de Jericoacoara, a 287 km de Fortaleza. Sua barraca de camping foi encontrada posteriormente incendiada, com todos os seus pertences dentro.

O último contato com a família ocorreu no dia 9 de julho do mesmo ano, desde então nenhum informação sobre seu paradeiro foi divulgada. O rapaz estava mochilando no Brasil, desde 17 de março do ano em que desapareceu.

LEONARDO á epoca do desaparecimento conheceu a praia de Pipa, em Tibau do Sul (RN), junto com amigos, e viajou sozinho para Jeri, no dia 25 de junho. Segundo seu irmão, na madrugada do dia 15 de julho, o argentino teria feito sua última postagem em uma rede social.

Caso de desaparecimento

O desaparecimento de LEONARDO aconteceu cerca de 7 meses após o assassinato da turista Italiana Gaia Molinari, também na praia de Jericoacoara. Até hoje, as investigações não apontaram um responsável pelo crime.


A família divulgou em redes sociais um trabalho tecnico feito por profissionais da INTERPOL, que montaram imagens que trouxessem a possível diferenciação da aparência de Leonardo atualmente

Se você já viu esta pessoa, ou tem qualquer tipo de informação, entre em contato pelo numero:

+0054-93513802789 Marina Iudicello, 

+0034-619423730 César Iudicello Escribano, 
+0054-93544445800 Alejandro Iudicello
+558899612692 Mario 

ou notifique a Polícia Federal

Postar um comentário

0 Comentários