Auxílio emergencial: liberado novo pagamento para quem teve benefício negado





Em torno de 196 mil beneficiários do auxílio emergencial receberão, na quinta-feira (28), as últimas parcelas do recurso, totalizando R$ 248,6 milhões. De acordo com o Ministério da Cidadania esses beneficiários receberão de uma só vez todas as parcelas a que têm direito. Os recursos estarão disponíveis tanto para transferências e pagamentos quanto para saques.


Quem tem direito

Dois grupos receberão estes recursos:
Pessoas que fizeram a contestação no período de 7 a 16 de novembro e de 13 a 31 de dezembro de 2020 (191 mil)

Os beneficiários que tiveram o pagamento reavaliado em janeiro de 2021, decorrente de atualizações de dados governamentais (5 mil).

Parcelas recebidas

Do total, 8,3 mil receberão a segunda, a terceira, a quarta e a quinta parcelas do auxílio emergencial; 40,9 mil pessoas receberão as três últimas parcelas; 68,1 mil terão direito à quarta e à quinta parcelas e 78,3 mil vão receber somente a quinta. 

O auxílio emergencial começou a ser depositado em abril de 2020 e, inicialmente, pagou cinco parcelas de R$ 600. Em setembro do ano passado, o benefício foi estendido até 31 de dezembro de 2020, mas com o valor de R$ 300.

Mães chefes de família têm direito à cota dupla. O auxílio emergencial beneficiou 68 milhões de trabalhadores - 32,2% da população e cerca de 40% das residências - pagando o total de R$ 330 bilhões.

Como efetuar o saque

Para saber se tem direito, o beneficiário deve acessar a conta no aplicativo Caixa Tem. Para realizar o saque em espécie, basta selecionar a opção 'saque sem cartão', que irá gerar um código de saque. O código tem validade de um hora e deve ser usado nos caixas eletrônicos da Caixa, nas lotéricas ou correspondentes Caixa Aqui.

Com informações do Diário do Nordeste.

Postar um comentário

0 Comentários