Covid: Ceará chega a 90% das cidades em níveis de alerta alto ou altíssimo



 

Níveis de alerta dizem respeito às semanas epidemiológicas 6 e 7, que compreendem, especificamente, os dias 7 a 20 de fevereiro




Chegou a 166 (90%) o número de municípios cearenses que estão em níveis de alerta "alto" ou "altíssimo" para transmissão da Covid-19, conforme dados divulgados pela plataforma IntegraSUS, mantida pela Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa).

O índice diz respeito às semanas epidemiológicas 6 e 7, compreendendo, especificamente, os dias 7 a 20 de fevereiro. Nenhuma das 184 cidades do Estado está no nível "Novo normal", com baixa taxa de transmissão.

De forma mais detalhada, há 18 municípios no nível "moderado", 91 no nível "alto" e 75 no "altíssimo", este o estágio mais preocupante. Entre os que se encontram nesta última faixa, estão Fortaleza, Caucaia, Maranguape, Maracanaú, Canindé, Crato e Sobral.

Por sua vez, as cidades que apresentam alerta "moderado" estão todas concentradas no sul do Estado, a exemplo de Lavras da Mangabeira, Icó, Umari e Santana do Cariri.

Ainda de acordo com o IntegraSUS, a incidência de casos de Covid-19 por dia para cada 100 mil habitantes apresenta tendência crescente, com número de 140,6.

Por outro lado, a taxa de letalidade está com tendência estabilizada, de 1,3%, mesmo estágio da taxa de positividade em testes RT-PCR, com 29,3%.

Tendências decrescentes, segundo dados da plataforma, podem ser verificadas no número de internações por causas respiratórias (183,2), apesar do nível de risco ainda ser considerado alto; e no percentual de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) por Covid-19 ocupados, com taxa de 87,4%, igualmente com alto risco.


Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários