Rapaz é assassinado a tiros dentro de carro em Jijoca de Jericoacoara





Um rapaz de 21 anos foi morto a tiros dentro de um carro na manhã desta quarta-feira (14), em Jijoca de Jericoacoara (CE). O crime aconteceu por volta das 08h, no Sitio Corrego Perdido, área rural do município. A polícia ainda não sabe quem cometeu o assassinato, nem uma provável motivação. A vítima foi identificada como Felipe Santos Silva.


De acordo com informações obtidas pelo Portal Vale do Acaraú, populares escutaram muitos tiros por volta das 8h. Com medo, ninguém saiu para ver o que aconteceu. Somente minutos após o ocorrido, os populares viram o homem morto dentro do carro, um GM Celta de cor prata.

Ainda segundo os relatos recebidos, a Polícia Militar foi acionada e ao chegar ao local, confirmou que um homem foi encontrado morto, ferido por disparo de arma de fogo, no interior de um veículo no Sitio Córrego Perdido, em Jijoca. O crime teria sido cometido por duas pessoas, que estavam em uma moto Honda Pop de cor vermelha, que teriam fugido para rumo ignorado após o assassinato.


A vitima do crime, Felipe Santos Silva (21), era natural de Porto Velho (RO), estava há pouco tempo na cidade de Jijoca, onde trabalhava como autônomo. Ele havia saido de casa na manha desta quarta (14), para realizar a venda de um veiculo, segundo ainda os relatos recebidos pelo Portal Vale do Acarau

MATERIAL APREENDIDO

Uma equipe da Policia Civil também esteve no local de crime, realizando os procedimentos cabíveis para apurar o ocorrido, apos isso, os policiais se deslocaram até a casa da vitima, onde foi apreendido drogas e um documento falso, com outro nome e a foto da vitima.


Foi constatado ainda, que contra Felipe havia um mandado de prisão em aberto, expedido pela justiça de Rondônia.

COLABORE: DENUNCIE

Quem tiver qualquer informação sobre o caso deve denunciar por meio do numero (88) 3669-1190, da Delegacia de Policia Civil de Jijoca de Jericoacoara, ou ainda pelo numero (88) 9 9654-2676, da Policia Militar em Jijoca, a ligação é segura e não é necessário se identificar. 

Postar um comentário

0 Comentários