Comerciantes de Acaraú levam golpe do Pix e tem prejuízo de quase R$ 1 mil



 Falsos clientes foram atendidos e sempre preferiam pagar com PIx. Mas o dinheiro nunca entrou na conta da empresa prestadora do serviço


Comerciantes da cidade de Acarau, no interior do Ceará, foram vítimas do golpe do Pix. O golpe, aplicado de forma simples, causou um prejuízo que pode ultrapassar o valor de R$ 1 mil, segundo as informações preliminares recebidas pelo Portal Vale do Acarau.

Segundo os relatos, um casal (nome não foi  divulgado) realizou alguns serviços e compras em comércios da cidade 

Ainda a segundo os relatos, os falsos clientes sempre optava pelo pagamento dos serviços com Pix, sistema bancário de transferência eletrônica de valores.



GOLPE


O que os funcionários dos estabelecimentos demoraram a perceber, é que o comprovante de pagamento apresentado pela dupla de golpistas era falso. 



Finalmente, notaram que os valores das despesas feitas por eles nao entrou na conta dos prestadores de serviço. 

Foi quando os funcionários perceberam que se tratava de um golpe. 

“O casal enviava um print da tela com o valor a pagar. O pagamento mesmo nunca era efetuado”, detalha um áudio que circulou pelas redes sociais 

Possivelmente devido ao estabelecimento ser muito frequentado e o balanço financeiro não era feito no ato da compra, houve uma demora em se notar o desfalque no faturamento

Esse tipo de prática pode se enquadrar no crime de estelionato, com pena de até cinco anos de reclusão e multa. 

Neste caso, ainda poderá haver um pedido na Justiça de reparação de danos morais e materiais. 

PREVENÇÃO

As autoridades orienta como se prevenir e não cair neste tipo de golpe. 

Não se deve confiar em prints de telas, é importante verificar, imediatamente, se o valor já entrou na conta, antes até de emitir a nota fiscal.

Vale destacar que uma das características do Pix é a transferência instantânea de valores.

Se em poucos minutos o dinheiro não cair na conta do destinatário, algo com certeza está errado

No final do mês de Abril, uma mulher de 29 anos de idade, foi presa em flagrante pela PM, após aplicar um golpe similar com o sistema Pix, em comércios na cidade de Itapipoca

Veja outras dicas:

Observe se o cliente enviou um comprovante de pagamento via Pix, e não de agendamento. Um agendamento nem sempre garante que o dinheiro entrará na sua conta.

Ao receber um e-mail de confirmação de pagamento, sempre verifique o endereço e provedor do remetente. Alguns criminosos são especializados em forjar comunicações (usando as mesmas cores e estilo de mensagem de empresas confiáveis).


Portal Vale do Acarau

Postar um comentário

0 Comentários