Bruno De Luca curte viagem com a noiva grávida, em Jeri





Bruno De Luca usou suas redes sociais nesta terça-feira, 14, para postar imagens com a noiva, Sthéfany Vidal, durante uma viagem a Jericoacoara, no Ceará, onde os dois estão gravando a nova temporada do programa dele no Multishow. "A ideia era ser de casal, mas a nossa bebê ficou ansiosa e quis participar também", escreveu o apresentador sobre o "Vai pra onde?".

Os dois viajaram no início deste mês para o Nordeste para gravarem juntos a nova temporada do "Vai pra onde?", programa que Bruno tem há alguns anos. Agora, é a estreia de Sthéfany, que está grávida de pouco mais de cinco meses, como apresentadora.

Numa entrevista recente ao EXTRA, em que revelaram com exclusividade o sexo do neném que esperam e os nomes que pensam para a criança, os dois falaram sobre esse trabalho juntos e revelaram que tiveram que alterar os planos por causa da gravidez.

— A gente ia para o Pantanal, para a Amazônia, mas teve que mudar tudo. Era aventura, porque ela ama animais, mas mandaram cancelar por causa de febre amarela, riscos — contou Bruno.

— E tem que ter hospital perto — afirmou Sthéfany na época, às vésperas de embarcar.



Aflito com os próximos trabalhos pela frente, Bruno contou:

— Vou fazer uma série em São Paulo e ficar três meses lá no fim da gravidez, tenho uma viagem para ver a aurora boreal em outubro e o nascimento da nossa filha está previsto para dia 19 desse mês. Eu não sei se vou chegar a tempo, está uma confusão. Estou arrasado, supertriste. Já pensei várias vezes em como fazer, mas é trabalho, né? Vou para o aeroporto a qualquer minuto se ela falar que está sentindo alguma coisa. Na minha vida nada é normal, dentro dos planos, então eu tenho que me conformar. Espero que dê tudo certo para eu voltar!

Gravação em família

Apesar de Bruno já ser um veterano nas gravações do "Vai pra onde?", Sthéfany faz sua estreia como apresentadora da produção ao lado do noivo. Ela classifica o momento como "uma responsabilidade muito grande" e explica:

— É um programa que ele faz há 15 anos, tem um pouco de ciúmes também (risos). Ele faz parecer fácil porque não é qualquer pessoa que consegue chegar num lugar e sair conversando com todo mundo, virar amigo das pessoas do jeito que ele consegue. E isso é que é o mais bacana de acompanhar.

Bruno elogia:

— Ela vai superbem porque é ótima, engraçada, faz amizade também, é espontânea. Não teria tido essa ideia se não achasse que ia dar bom. Eu tenho noção, dirigi o programa muitos anos. Esse ano até botei uma diretora para não ser eu e a gente poder ser dirigido juntos. Vai ser maior barato, quero muito que mostre nosso dia a dia.

Antes de fazer uma viagem em família na frente das câmeras, o apresentador conta que os dois fizeram "testes" para ver se a convivência seria boa, conta Bruno:

— A gente já viajou muito, eu testei bastante antes de chamá-la para viajar comigo porque o que eu já vi de casal se separando, de família brigando em viagem... É difícil viajar junto, tem até amigos que nunca mais se falam. Convivência é fogo. Começamos a viajar na pandemia e nos damos super bem viajando.

Gravar o "Vai pra onde?" e ficar tanto tempo longe da noiva já estava começando a transparecer na tela. Imagine agora com a filha do casal... A solução foi mesmo juntar a família e unir duas coisas que Bruno diz amar: viagem e gravação.

— Não estava mais dando para gravar o programa e deixar ela em casa porque sempre fui muito eu mesmo, verdadeiro no programa e não estava mais cabendo. Eu não vou mais para a balada, igual antes, eu era o solteirão que queria arrumar alguém nas viagens, queria mostrar também os lugares. Mas acabou ficando chato fazer o programa sozinho. Então o próprio Multishow deu a ideia. Quando eles falaram eu pensei: “Vai ser legal” — recorda o apresentador.


Postar um comentário

0 Comentários