Elmano afirma que existe possibilidade de união entre PT e PDT em segundo turno




 

O Grupo Cidade de Comunicação deu início, nesta terça-feira (20 de setembro de 2022), à segunda rodada das sabatinas aos candidatos ao Governo do Ceará. O primeiro entrevistado, definido em sorteio, foi Elmano de Freitas (PT). 

Ao ser questionado sobre uma possível aliança entre o PDT e o PT, no segundo turno, o petista não descartou a hipótese pelo respeito que possui pelo senador licenciado Cid Gomes (PDT).


“Eu quero dizer que tenho muito respeito pelo senador Cid porque ele deu início ao projeto no Estado. Existe a possiblidade porque na minha opinião, nosso maior desafio no Brasil e no Ceará é derrotar as forças bolsonaristas. Nós precisamos derrotar o governo Bolsonaro, por que o governo dele é um atentado a democracia”, destacou.

O petista também falou das campanhas eleitorais, dos recentes ataques políticos e destacou que está dando continuidade aos projetos de Camilo Santana (PT) e Izolda Cela (sem partido).

“É evidentemente que a nós não fizemos nenhum ataque a ninguém nós temos defendido o legado do projeto de Camilo e Izolda e dito o que queremos fazer daqui pra frente. Nós estamos sendo vítimas de ataque, acho que covarde, estão faltando com a verdade, fazendo coisas que eu nunca imaginei serem feitas, até combinação com a candidatura do Bolsonaro no Ceará”, concluiu.

Na entrevista, que contou com a participação da apresentadora do Jornal da Cidade, Bianca Saraiva, do apresentador do Pan News em Revista 2ª Edição, Tiago Lima, e da cientista política e colunista do Grupo Cidade Carla Michele Quaresma, Elmano ainda deu detalhes sobre suas propostas, com ênfase para a área de educação, como o projeto de tornar o ensino do Ceará 100% no formato integral. Outra proposta defendida é a da democratização do acesso de estudantes carentes ao ensino superior.

GC Mais

Postar um comentário

0 Comentários