WhatsApp vai acabar com prints de imagens dentro do aplicativo; entenda



 



Conhecido como uma das plataformas digitais que mais investe na segurança interna, o WhatsApp está prestes a anunciar uma nova atualização que vai remover a opção de capturar a tela (o famoso print) dentro do aplicativo.

Pouco tempo atrás, o WhatsApp criou a opção de enviar uma imagem ou um vídeo que só é possível visualizar uma única vez e, logo após aberto, a mídia some da conversa. Este recurso está sendo muito utilizado pelos usuários, o que mostra o seu sucesso, porém, existe um problema: algumas pessoas tiram prints desse conteúdo, enviado para ser visto apenas uma vez, e o remetente da mensagem não sabe quando isso acontece.

Com isso em mente e novamente priorizando a segurança de seus usuários, o WhatsApp, segundo o site WABetaInfo, criou um bloqueio de tela para esses momentos. Esse novo recurso tem como objetivo impedir que o usuário de tire prints do conteúdo em questão.

Além de bloquear o print, o próprio aplicativo apresentará o aviso: “A captura de tela foi bloqueada para maior privacidade”. O remetente, contudo, não saberá da tentativa de print, como acontece em outros aplicativos como o Snapchat, por exemplo.

A função já existe na versão beta do WhatsApp, mas por enquanto não foi divulgada sua data do lançamento oficial. A Meta ainda não fez nenhum pronunciamento oficial, porém, é esperado que aconteça a liberação do recurso em breve.

WhatsApp testa recurso para compartilhar chamada via link

O WhatsApp está começando a testar um novo recurso para facilitar a entrada de novos participantes em chamadas do aplicativo. A ferramenta consiste no compartilhamento de um link, assim como acontece com os grupos tradicionais ou com outras plataformas, como Zoom ou Google Meet.

O anúncio foi feito por Mark Zuckerbeg nesta segunda-feira (26). O CEO da Meta, empresa dona do WhatsApp, ainda contou que o mensageiro passará a permitir chamadas de vídeo criptografadas com até 32 participantes.

Olhar Digital

Postar um comentário

0 Comentários