Paulo Pimenta diz que acesso de extremistas foi ‘facilitado’ e nove armas do GSI foram roubadas




 

O ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social (Secom) da Presidência da República, Paulo Pimenta, afirmou nesta segunda-feira (9) que o acesso dos extremistas à Esplanada dos Ministérios, em Brasília, foi facilitado e que o grupo roubou ao menos nove armas de choque do Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

“Foi facilitado o acesso dessas pessoas na Esplanada, porque havia acordo de que essas pessoas não chegariam até a Esplanada, de que essas pessoas não chegariam até as sedes dos Poderes”, disse. Ele avalia que isso não poderia ocorrer sem que houvesse algum nível de comprometimento ou conivência por parte das autoridades.

“Foi facilitado o acesso dessas pessoas na Esplanada, porque havia acordo de que essas pessoas não chegariam até a Esplanada, de que essas pessoas não chegariam até as sedes dos Poderes”, disse. Ele avalia que isso não poderia ocorrer sem que houvesse algum nível de comprometimento ou conivência por parte das autoridades.

Segundo Pimenta, o gabinete de Lula está intacto, pois os extremistas não conseguiram acesso por causa da segurança. Pela manhã, o presidente da República se reuniu com os demais chefes de Poderes nessa sala.


GC Mais

Postar um comentário

0 Comentários