Passageira coloca fogo no cabelo de comissária durante voo de SP ao CE e acaba presa



 


Uma confusão a bordo de uma aeronave, com agressão, terminou em prisão num voo que estava prestes a pousar em Juazeiro do Norte. O caso foi registrado num voo que saiu de Guarulhos na madrugada de terça (22) com destino a Juazeiro do Norte, sendo o único voo compatível nesta rota e horário o G3-1562, operado por um Boeing 737-800 da GOL. A emissora local da Globo também mostrou imagens de um avião da companhia.

Segundo informações do g1, em certo momento do voo e por um motivo não esclarecido publicamente ainda, uma passageira ateou fogo num cinto de segurança e depois no cabelo de uma comissária, que foi amparada por outros passageiros. Os ocupantes da aeronave também contiveram a agressora, de 25 anos.

Como o avião já estaria próximo de Juazeiro, o voo acabou seguindo ao destino e a passageira foi presa ao desembarcar. Ela foi enquadrada no crime de Atentado Contra a Segurança do Transporte Aéreo, do Artigo 261 do Código Penal, que prevê penas de 2 a 5 anos de prisão, se condenada.

Entramos em contato com a GOL e a companhia informou que “a cliente foi contida pelos comissários, a Polícia Federal foi acionada para acompanhar o desembarque e seguiu para a delegacia juntamente com o comandante do voo e a comissária agredida. Todas as ações e procedimentos adotados pela Companhia foram tomados com foco na Segurança dos comissários e Clientes”.


Postar um comentário

0 Comentários