PL oficializa candidatura de Bolsonaro à reeleição




 Neste domingo, 24, o Partido Liberal (PL) realizou sua Convenção Nacional, onde oficializou a candidatura do presidente Jair Bolsonaro à presidência da República. Ao lado dele, o general Walter Braga Netto , ex-ministro da Defesa e da Casa Civil, foi apresentado como vice, fechando a chapa da legenda rumo à reeleição. 

A chapa foi aprovada em convenção nacional do partido por 204 votos. A Convenção Nacional, que teve início às 11 horas, é realizada em um megaevento no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro, com a presença de cerca de 10 mil pessoas.

Desde o início da manhã, quando foram abertos os portões do estádio, o clima era de ansiedade pelos participantes. “A expectativa é a maior possível. Os brasileiros já escolheram Bolsonaro 2022. Feliz é o povo cujo Deus é o senhor”, disse à Jovem Pan uma das apoiadoras, que viajou do Rio Grande do Sul para a capital carioca. 

A maioria dos presentes carregam bandeiras do Brasil e usam verde e amarelo. Antes da chegada do presidente ao local, um vídeo foi transmitido aos presentes mostrando ações feitas pela chapa Bolsonaro-Mourão nos últimos três anos. Nestas eleições, o vice-presidente Hamilton Mourão concorre ao Senado Federal pelo Rio Grande do Sul.

Antes da chegada de Bolsonaro, um show da dupla sertaneja Mateus e Cristiano foi realizado. A principal música tocada, e cantada aos gritos pelos participantes, foi “Capitão do Povo”, que fala em reeleição de Bolsonaro, defesa da família e salvação do Brasil. “No mito eu boto fé, é ele que defende a nação, que tem a nossa bandeira no seu coração”, fala o jingle, que reforça o principal slogan do presidente: “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”. Uma oração também foi feita pelo deputado federal Marco Feliciano.

A entrada do evento foi liberada, sem a necessidade de ingresso, após um movimento de boicote promovido por internautas contrários ao mandatário, que incentivaram a retirada de ingressos online sem a intenção de comparecer à convenção para esvazia-la. Com a identificação da tentativa de boicote, o Partido Liberal decidiu liberar o acesso, sem a necessidade de reserva antecipada.

Jovem Pan

Postar um comentário

0 Comentários