Ceará enfrenta o Flamengo na estreia do técnico Lucho González





Os times Flamengo e Ceará se enfrentam no domingo (4) pela 25ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. A partida acontece no Maracanã, Rio de Janeiro, a partir das 11h (horário de Brasília).
Prováveis escalações Flamengo x Ceará

Flamengo: Santos, Matheuzinho, Fabrício Bruno, Pablo, Ayrton Lucas, Vidal, Diego, Victor Hugo, Éverton Cebolinha, Marinho e Gabigol.

Ceará: João Ricardo, Nino Paraíba, Bruno Pacheco, Richardson, Mendoza, Lucas Ribeiro, Jhon Vasquez, Richard C., Peixoto, Vina e Marcos Victor.

O jogo será transmitido ao vivo pelo canal Premiere para assinantes. A partida também pode ser acompanhada pela Jovem Pan News Fortaleza (FM 92.9) e Cidade AM 860.

O jogo marca a estreia do técnico Lucho González como técnico do Vovô. O argentino foi apresentado na última segunda-feira (29), no CT do clube, em Porangabuçu, em Fortaleza.
Perfil de Lucho González:

Lucho González é argentino, tem 41 anos e viverá no Ceará sua primeira experiência como treinador principal de uma equipe na carreira. Este ano, ele chegou a ser auxiliar técnico do Athletico-PR, cargo que ocupou até abril. Além disso, se preparou para a carreira de treinador tirando a “Licença B” da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a “Licença PRO” da Associação de Futebol Argentino (AFA).

Com Lucho González, também chegam os auxiliares Emanuel Depaoli e Walter Scarinci, além do preparador físico Diego Giachinno. Depaoli tem passagens por Blooming (BOL), Emelec (EQU), Seleção Equatoriana, além de Atlético Tucumán e Estudiantes, da Argentina. Como observador técnico, Walter Scarinci tem experiências nos clubes franceses Nice (FRA), Montpellier, Monaco e Dijon. Nos Estados Unidos, o profissional passou pelo Real Salt Lake e England Revolution. Já o preparador Diego Giacchino trabalhou no Santos, seleções da Colômbia e Irã, atuante nas Copas do Mundo de 2014 e 2018, e nos argentinos Banfield e Independiente.

Como jogador, Lucho González construiu uma carreira vitoriosa, marcada pela conquista de 29 títulos como atleta profissional. Entre eles, a conquista da Libertadores da América (2015), o bicampeonato da Copa Sul-Americana (2018 e 2021), 6 títulos de campeão português e 1 de campeão francês. Vestiu ainda a camisa da seleção argentina em 44 oportunidades, jogou a Copa do Mundo de 2006 e conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 2004.


GC Mais

Postar um comentário

0 Comentários