Justiça decreta prisão preventiva do ex-vereador Gabriel Monteiro




 vereador cassado Gabriel Monteiro (PL) teve a prisão preventiva decretada hoje pela Justiça do Rio de Janeiro. A prisão foi decretada pelo juiz Rudi Baldi Loewenkron, da 34ª Vara Criminal do RJ.

Segundo a assessoria de imprensa do TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro), a prisão é relacionada a um caso de estupro e o processo está sob segredo de justiça.

Relacionadas

O UOL procurou advogados de Monteiro sobre a decisão judicial. Se houver um posicionamento, ele será publicado nesta reportagem.

Segundo informou o jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, o caso teria ocorrido no dia 15 de julho após a vítima conhecer o ex-vereador em uma boate na Barra da Tijuca, na zona oeste carioca, e ir com ele até a casa de um amigo no bairro do Joá, na zona sul.

Ainda de acordo com o jornal, Gabriel constrangeu a vítima a praticar sexo com ele, passando uma arma em seu rosto e dando tapas na sua face.


UOL

Postar um comentário

0 Comentários