Moraes rejeita pedido para impedir posse de André Fernandes



 


O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, rejeitou um pedido do grupo de advogados Prerrogativas, de esquerda, que desejava impedir a posse do deputado federal diplomado André Fernandes (PL-CE). Nas redes sociais, o político comemorou a decisão.

Os autores da ação citam uma publicação de Fernandes nas redes sociais para embasar a acusação. Eles afirmam que o parlamentar teria apoiado a invasão da Praça dos Três Poderes, em Brasília, em 8 de janeiro. Além dele, outros cinco deputados eleitos também são alvo da ação. São eles: Carlos Jordy (PL-RJ), Silvia Waiãpi (PL-AP), Nikolas Ferreira (PL-MG), Sargento Rodrigues (PL-MG) e Walber Virgolino (PL-PB).

Na postagem em questão, Fernandes divulga um “ato contra o governo Lula”. “Neste final de semana acontecerá, na Praça dos Três Poderes, o primeiro ato contra o governo Lula. Estaremos lá”, escreveu, no Twitter, em 6 de janeiro.


Revista Oeste

Postar um comentário

0 Comentários