Argentina começa a caminhada rumo ao tricampeonato no Catar





Após grande campanha nas eliminatórias da América do Sul, a Seleção Argentina chega embalada para estrear na Copa do Mundo do Catar nesta terça-feira (22/11), às 7h, diante da Arábia Saudita.

Com 36 partidas de invencibilidade, e levando na mala as conquistas da Copa América e da Finalíssima, os Hermanos apostam na ótima fase de La Scaloneta e na obsessão da conquista do Mundial para coroar o craque argentino, Lionel Messi, para chegar ao tricampeonato no Oriente Médio.

Já a Arábia Saudita aposta na mescla de jogadores experientes e novatos para tentar surpreender no grupo C, que conta também com México e Polônia, para chegar às oitavas de final da competição. Vale lembrar que será a sexta participação do país no Mundial, onde sua melhor campanha foi justamente na estreia, em 1994, quando chegou as oitavas de final.
Participações em Copa

Quando o assunto é participação em Copas, a Albiceleste leva larga vantagem sobre o adversário. Os Hermanos participaram de 17 copas (1930, 1934, 1958, 1962, 1966, 1974, 1978, 1982, 1986, 1990, 1994, 1998, 2002, 2006, 2010, 2014 e 2018).

As únicas Copas que a Argentina não esteve presente foram nos anos de 1938, 1950 e 1954, onde decidiu não participar, e 1970, onde não se classificou.

Já a Arábia Saudita foi figura presente apenas em cinco edições (1994, 1998, 2002, 2006 e 2018). Em 1994 chegou às oitavas de final, sendo eliminada para a Suécia. Já nas outras edições caiu na fase de grupos.
Histórico de confrontos

Na história do confronto, Argentina x Arábia Saudita se enfrentaram quatro vezes, sendo três amistosos, com uma vitória hermana e dois empates, e um confronto na Copa das Confederações de 1992, vencido pelo Argentina.
Surpresas e destaque

Quem pode surpreender é Julián Álvarez, atacante de 22 anos que se destacou no River Plate em 2021 e 2022. Somando as duas temporadas de grande destaque pelo clube argentino, o jovem atuou em 94 partidas, marcou 49 gols e contribuiu com 24 assistências.

Atualmente no Manchester City de Pep Guardiola, o atacante é companheiro de Erling Haaland, Kevin de Bruyne e companhia. Tendo atuado em 20 jogos pelos ingleses, Álvarez já balançou as redes em sete oportunidades e contribuiu com duas assistências.

O grande destaque da partida e do grupo deve ser o astro argentino Lionel Messi, que chega ao Catar em alta para disputar sua última Copa do Mundo. Na atual temporada pelo PSG, Messi soma 26 participações em gols, sendo 12 tentos anotados e 14 assistências, em apenas 19 jogos.
Previsão do grupo

Formando o grupo C, Argentina e Arábia Saudita também terão pelo caminho México e Polônia. Tratada como uma das grandes favoritas ao título, a Argentina é figura dada como certa nas oitavas de final. No entanto, a disputa da segunda vaga deve ficar entre Polônia e México, com a Arábia Saudita correndo por fora.


O que deve definir a segunda colocação do grupo e, consequentemente, a outra vaga para a fase mata-mata, será o confronto direto entre os mexicanos e poloneses também nesta terça (22/11), às 13h.




Metropoles

Postar um comentário

0 Comentários